Matheus Prado nasceu em Iguatemi, Mato Grosso do Sul, no dia 12 de fevereiro de 1989, sendo o primeiro filho de três do casal Valmir Prado e Maria Márcia Araújo. Começou a escrever em 2002, logo após assistir o primeiro filme da franquia “O Senhor dos Anéis”. Até 2009, quando conseguiu um estágio em uma agência de publicidade, trabalhou como sorveteiro, office boy, vendedor, empacotador, abastecedor, garçom e padeiro. Em 2010, iniciou o curso de Marketing, mas não chegou nem ao primeiro semestre. Sempre acreditou que havia nascido para a arte e não para os números.

Escrevendo à noite e nos fins de semana, quando ainda era padeiro, conseguiu concluir seu primeiro livro, em 2008. Naquela época, também como atirador Exército e foi com base nessa experiência e em relatos familiares que surgiu “Os Últimos Heróis”, livro que conta a história dos pracinhas brasileiros na II Guerra Mundial.

Apaixonado por cinema desde a infância, escreveu, produziu e dirigiu vários curtas e webséries. Em 2017, produziu seu primeiro longa-metragem, chamado “O Som da Sua Voz”, que pode ser assistido gratuitamente no YouTube.

Em janeiro de 2016 lançou “O Assassino da Cruz”, o livro que selou seu destino como autor de romances policiais. O romance apresenta ao mundo o personagem Pedro Rocha, um policial brilhante, mas linha dura, fortemente inspirado nos filmes dos anos 80 e nos livros noir da década de 40 e 50.

Atualmente, Matheus Prado vive em Sinop, no Mato Grosso, com sua esposa, a bióloga Talita Galbiati, e seus animais de estimação: a gata Anaís e o cachorro Kick.

Foto por Thaty Saldan. Para baixar a imagem em alta resolução, clique AQUI.